Dia Mundial da Saúde


Se nos anos anteriores a maior preocupação relacionada à saúde que tínhamos enquanto sociedade era como fazer com que a saúde seja pública e de qualidade em todos os cantos do mundo, que todos tenham acesso a saneamento e itens de higiene pessoal básicos, desta vez temos uma emergência que precisa ser resolvida o mais breve possível. O Covid-19 gerou uma crise humanitária que não estávamos prontos para enfrentar. Não há uma vacina, os tratamentos podem variar de pessoa para pessoa, o vírus tende a mutar de acordo com o ambiente e o organismo que contagia, então, como combater algo sem precedentes em nossa história? Apesar das controvérsias geradas pelo governo federal brasileiro, o melhor a se fazer neste momento é o isolamento social. Aos que precisam sair de casa para trabalhar, não esqueça de utilizar máscara e luvas em seu local de trabalho, lavar as mãos durante 20 segundos a cada duas horas, seguir a etiqueta da Organização Mundial da Saúde para espirrar e tossir, e manter uma distância de um metro e meio de outras pessoas. Além disso, este é o momento de defendermos o Sistema Único de Saúde. É o SUS que tem fornecido profissionais capacitados para trabalhar no atendimento de pessoas, pesquisadores para investigar e analisar o vírus, os sintomas, possíveis tratamentos e vacinas. Converse sobre o SUS com seus amigos e familiares, apoie profissionais da saúde e a pesquisa científica. Só através do apoio ao serviço essencial e público de saúde que venceremos a pandemia.

4 visualizações